COMUNICADO – HOMOLOGAÇÕES

Comunicamos que após o dia 11/11/2017, o processo de agendamento de homologações no sindicato será alterado. Como entra em vigor a Lei 13.467/17 (Reforma Trabalhista), as empresas ficam desobrigadas de homologar nos sindicatos e no ministério do trabalho.

O sindicato dos Empregados da Administração das empresas proprietárias de jornais e revistas continuara dando assistência na homologação de rescisão de contrato de trabalhos bem como assistência na conferencia de rescisões feitas nas empresas para todos da categoria profissional observando alguns aspectos.

1 – Homologação de rescisão de contrato de trabalho nas dependências do sindicato para empregados que não fizeram oposição a contribuição assistencial.

2 – Conferencia de rescisões de contrato de trabalho feitas no RH das Empresas para empregados que não fizeram oposição a contribuição assistencial.

Para os empregados que fizeram oposição a referida contribuição, poderão ser feitas as homologações de rescisão de contrato de trabalho bem como a conferencia de valores mediante pagamento de uma taxa a ser definida.

Dpto. Homologações


Emissão Guia Sindical Urbana

Informamos que a guia sindical atual deixou de ser válida em 31/08/2017, ocorre que a Caixa Econômica Federal ainda não consegue realizar os testes nas novas guias e nem retornar os arquivos remessas emitidos. Portanto e possível que qualquer guia emitida não seja aceita nos bancos ou mesmo que consigam pagar e possível que o pagamento não seja encaminhado para o sindicato.

Assim sendo para preservarmos as empresas a emissão das guias sindicais estão suspensas, sugerimos fortemente que os senhores não emitam Guias Sindicais com vencimento posterior a 31/08/2017 no site da CEF até que esta situação normalize, o que imaginamos deva acontecer durante o mês de setembro.
Segue o informativo da CEF:

http://www.caixa.gov.br/empresa/pagamentos-recebimentos/pagamentos/grcsu/perguntas-frequentes/Paginas/default.aspx


CONVENÇÃO COLETIVA CAPITAL 2017/2018

COMPANHEIROS, levando em consideração a crise econômica em que as empresas de comunicação se encontram, chegamos a um consenso sobre a nossa convenção coletiva 2017/2018 para a CAPITAL, com uma inflação baixa de 2,07 % (http://www.portaldefinancas.com/inpc_ibge.htm) tenham a certeza de que lançamos mão de todos os recursos possíveis para conseguir o melhor para a categoria e evitar o máximo de demissões possíveis neste novo período:

REAJUSTE SALARIAL

Os salários serão reajustados da maneira seguinte:

  1. Para salários vigentes em Abril/2017, será aplicado o reajuste de 2,23% a partir de 01/08/2017. 

SALÁRIO NORMATIVO – R$ 1.034,00.

PLR – R$ 835,53.

AUX. CRECHE R$ 473,38.

 CCT  – Convcap_2017-2018

Nº da Solicitação do registro no MTE: MR053440/2017 – http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/

A DIRETORIA


REAJUSTE SALARIAL INTERIOR 2016/2017– DATA BASE NOVEMBRO

Companheiros,

Informamos a todos que finalizamos o acordo sobre a Convenção Coletiva 2016/2017

O presente comunicado tem como finalidade antecipar e orientar a todos para que efetivem as devidas correções, cálculos e providências quanto ao pagamento da diferença salarial dos meses de novembro, dezembro/2016, janeiro e fevereiro/2017, em quatro parcelas respectivas nos períodos de Março a Junho de 2017.

REAJUSTE DE SALARIOS

  • Sobre os salários de Outubro/2016, aplicar um reajuste de 4,0% a partir de 01 de Novembro/2016.
  • Sobre os salários já reajustados em 01 de novembro de 2016; aplicar-se-á um reajuste de 3,5% a partir de 01 de março de 2017.
    Indenização aos demitidos – R$ 750,00 (trezentos e oitante e quatro reais). Aos empregados demitidos no período de 01 de novembro de 2016 a 28 de fevereiro de 2017, será pago um valor de R$ 750,00 (setecentos e cinquenta reais) a título de indenização, quando da quitação das verbas rescisórias.Aos demitidos que já recebam as verbas rescisórias, a empresa deverá efetuar este pagamento juntamente com o valor da diferença do mês de novembro/16 a ser satisfeita juntamente com o pagamento da folha do mês de março/2017.

Piso Salarial  – R$ 1.000,00 (Se, durante a vigência da presente norma coletiva, o Governo do Estado de São Paulo conceder um reajuste ou fixar novo valor para o piso salarial estadual, fica garantido aos trabalhadores da categoria profissional representada por esta entidade sindical o piso.)

Piso Salarial Intercalador – A partir de 01 de Novembro de 2016 – R$ 4,29 por hora.

Vale Alimentação/Refeição – A cada trabalhador com carga horária integral na empresa será fornecida todo mês uma cesta básica, o conteúdo está mantido conforme texto do acordo anterior, no valor equivalente a R$ 132,00 (cento e trinta e dois reais).

PLR – Valor do PLR de R$ 650,00 (seiscentos e cinquenta reais) a ser pago em duas parcelas, com os salários de abril (R$ 325,00) e outubro (R$ 325,00) de 2017.

Ax. Creche – R$ 384,00 (trezentos e oitante e quatro reais)

Seguro de Vida – R$ 32.071,00 (trinta e dois mil e setenta e um reais)

Auxílio Funeral – R$ 4.585,00 (quatro mil quinhentos e oitenta e cinco reais).

A DIRETORIA


COMUNICADO

Comunicamos a todos que a missa de sétimo dia do Nosso Diretor Nelson Simonagio será hoje, 04/03/2017 as 17:00 hs na Igreja Salete.

a Diretoria


EDITAL DE CONVOCAÇÃO – RAC

O Presidente do Sindicato dos Empregados da Administração das Empresas Proprietárias de Jornais e revistas de São Paulo, abaixo-assinado, no uso de suas atribuições estatuárias, e por deliberação d Assembleia Geral dos Trabalhadores, realizada no dia 08/02/2017, CONVOCA todos os empregados administrativos que trabalham nas empresas que integram a Rede Anhanguera de Comunicação – RAC, entre elas: Correio Popular S/A, Empresa Jornalística e Editora Gazeta de Piracicaba Ltda, Agência Anhanguera De Noticias Ltda, Grande Campinas Editora e Gráfica Ltda, Cosmo Network S/A, Empresa Jornalistica e Editora Regional, Empresa Jornalistica e Editora Noticia Já e outras a elas coligadas, que este Edital virem ou dele tomarem conhecimento, para participarem da ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA E ESPECIFICA que realizar-se-á no dia 10 de fevereiro de 2017 ás 16:00 horas em primeira convocação ou ás 16:30 horas em segunda convocação, com qualquer numero de presentes, na Praça Maria Monici Meloni (em frente ao prédio da RAC, á Rua Sete de Setembro, 189 – Campinas – SP), para os empregados administrativos deliberarem sobre a seguinte ordem do dia: 1) Decretação de greve geral por prazo indeterminado dos administrativos das Empresas acimas citadas e fixação de data para inicio da paralisação das atividades conforme determina a legislação pertinente; 2) Autorizar o Sindicato dos Empregados da Administração das Empresas Proprietárias de Jornais e Revistas de São Paulo, em instaurar dissidio coletivo de greve perante o TRT da 15º região em conjunto com o Sindicato dos Jornalistas de São Paulo e Sindicato dos Gráficos de São Paulo.

EDITAL RAC

Campinas, 09 de fevereiro de 2017.

Domingos Fontan
Presidente


Negociação CCT 2016/2017 – Interior e Gde. SP

Para Convenção Coletiva de Trabalho Interior 2016/2017 com data base em Novembro, nosso sindicato esta negociando o índice de inflação INPC-IBGE Nov/2015 a Out/2016, que é 8,50%.

Nosso sindicato esta lutando para a concessão do mesmo índice dos jornalistas e gráficos, ou seja duas parcelas de 4% cada, sendo a primeira na data base (novembro 2016) e a segunda em 01/03/2017 a ser aplicada sobre os salários do mês de fev/2017.

Até que este impasse seja resolvido, propomos as empresas que adiantem uma remuneração e ao final das negociações façam a complementação das diferenças.

O sindicato patronal ficou de marcar uma reunião e estamos no aguardo.

Atenciosamente
Domingos Fontan
Presidente do Sindadm